Os motivos que fazem o torcedor sentir orgulho

 

 

Quais os motivos que fazem o torcedor sentir orgulho do seu time de futebol? O que mantém o torcedor comprometido com o clube? O que faz uma torcida se manter fiel mesmo com seu time longos anos na fila sem ser campeão?

Além da identificação do torcedor com o clube, da comunidade em que vive, da influência de parentes e amigos, também é necessário o torcedor sentir orgulho do seu time. Um time vibrante dentro de campo, que na vitória ou na derrota defende suas cores até o apito final, dificilmente deixará um torcedor descontente. Todo torcedor quer ver seu time campeão, mas não abre mão da raça, da superação dentro de campo, de jogadas bonitas, e de belas atuações dos seus jogadores preferidos. Ganhar por ganhar é fácil! O torcedor quer mais, quer festa, quer ver jogaço, ele que um ídolo, ele quer sentir orgulho do seu time.

E se perder?
Que seja jogando bonito ou por uma falha da arbitragem. Que seja suado ou por um gol inusitado.

Lembro-me em 1982, da inesquecível seleção canarinho do saudoso mestre Telê Santana. Nos faltou o gol, mas nos sobrou orgulho. Esta mesma seleção é mais lembrada e reverenciada que as seleções campeãs em 1994 e 2002, pois fazia o torcedor sonhar, jogar junto com ela, era literalmente um time que o dinheiro não podia comprar. A gente sabia, que se perdêssemos era por  falta de sorte e não de futebol, que se não fôssemos campeões era azar do futebol e não o nosso.

Hoje, vejo diferentes programas de sócios torcedores entre os times do futebol brasileiro, que tentam com todas as estratégias possíveis de marketing atrair seus torcedores aos estádios, a compra de produtos oficiais ou por ajuda financeira. Mas a situação financeira do país e a violência das facções criminosas que vivem infiltradas dentro das torcidas organizadas prejudicam o futebol como um todo, porém nada é mais implacável que o exôdo dos nossos maiores talentos para o futebol europeu e asiático.

 

 

Postagens Recomendadas
Contato Rápido

Nós não estamos por perto no momento. Mas você pode nos enviar um e-mail que vamos responder o mais breve possível.

felipão parreira murtosa